Espaco Mov
thumb image

Pilates na gravidez

Publicado em 13 de junho de 2018, por espacomov. Nenhum comentário.
.

Como a prática da modalidade pode ajudar as mulheres na gestação e no parto

Durante a gestação, o corpo da mulher passa por mudanças físicas e hormonais que podem acarretar em desconfortos para as futuras mamães. Por isso, se a prática de exercícios físicos já é altamente recomendada em outros períodos, neste ela se faz indispensável.

Uma das modalidades mais indicadas para as gestantes é o Pilates. Muito seguro desde o início da gravidez, o Pilates permite uma grande variedade de exercícios, sempre adaptados a cada mulher e à fase gestacional na qual se encontra, o que traz inúmeros benefícios, como por exemplo, o auxílio na sustentação do peso e melhora das dores lombares, muito características da condição.

De acordo com especialistas, um dos pontos mais importantes é que o profissional esteja atento à evolução da gestação e foque nas particularidades de cada um dos três trimestres, afinal cada período provoca diferentes alterações, o que exige tipos específicos de trabalho.

Durante o primeiro trimestre, por exemplo, o ideal é que sejam evitados movimentos mais intensos. Essa é a fase em que todos os sistemas do bebê começam a se formar, então é importante que os exercícios estejam focados na qualidade dos movimentos. Neste período o foco é o fortalecimento da musculatura estabilizadora de tronco e pelve, trabalhados em posições de prancha lateral com superfícies instáveis, ajudando assim a minizar a sobrecarga na coluna. Com o crescimento da barriga, o recomendado é eliminar os exercícios com as grandes alavancas, a fim de evitar a chamada diástase abdominal, quando ocorre o afastamento dos músculos abdominais. Nesta etapa evitamos o trabalho em decúbito dorsal (quando a gestante se deita de barriga para cima), visto que muitas delas relatam sentir falta de ar. Dessa forma, a prioridade é a realização de atividades em outras posições, como em decúbito lateral, de joelhos ou mesmo sentadas.

Uma região que merece atenção especial durante toda a gestação é a musculatura do assoalho pélvico, aquela localizada na região inferior da bacia. Ela e os músculos adutores, situados na parte interior das pernas, devem ser trabalhados constantemente para que a grávida esteja fisicamente preparada para o parto sem o risco de possíveis rompimentos ou complicações.

.

0 Comentários

Gostou? Deixe o seu comentário!






Gostaríamos de contar
as novidades para você.

41 3082 9400 41 9 8802 8049

contato@espacomov.com.br
-
Avenida Nossa Senhora da Luz, 2739 - Jardim Social - Curitiba - PR